Etc

Capitão América, socorro.

Vou começar confessando: Capitão América nunca foi um dos meus heróis favoritos, mesmo que a franquia de Os Vingadores dentro da Marvel seja minha franquia favorita de filmes de super-heróis. O primeiro filme (Capitão América: O Primeiro Vingador), precisei de duas tentativas para conseguir ver o filme completo. Não fui ao cinema porque na época não estava interessada naquele tipo de filme, então eu comprei baixei pirateei o filme e assisti em casa. Foram as duas horas mais entediantes da minha vida.

A questão é: só assisti ao Capitão América: O soldado Invernal porque eu assisto a Agents of S.H.I.E.L.D, série da ABC transmitida pela Fox todas as quintas-feiras às 21:00. Essa série está completamente atrelada ao filme, por motivos de spoilers que não contarei agora. Para poder assistir ao episódio da semana passada, precisava do filme. Por isso, assim que estreou o filme, na quinta passada, convenci minha mãe de irmos assistir porque precisava assistir à série que diziam estar maravilhosa. E, para minha grande surpresa, o filme conseguiu se superar, num maravilhoso sentido.

A partir de agora, o texto pode conter spoilers 

Help

O filme tem  dois focos principais: A SHIELD como uma agência de espionagem com muitos segredos, o que faz com que Steve Rogers (Chris Evans) não saiba em quem confiar, ou até mesmo no que confiar, e o soldado invernal, contratado para matar o Capitão América, que mais tarde descobre que o Soldado Invernal é na verdade seu antigo amigo de infância, Bucky Barnes (Sebastian Stan), que ele viu morrer e não pode impedir durante a Segunda Guerra Mundial. Esses dois focos se entrelaçam durante o filme.

As cenas de ação estão maravilhosas, o filme inteiro te prende: você fica com medo de piscar e de repente perder algum detalhe que vai te fazer ficar com cara de tacho no futuro. Capitão América 2 é um bom exemplo de um roteiro bem feito que prova que é possível, sim, ter um filme de ação que mistura um pouco de outro gênero:  a espionagem. Normalmente, filmes de ação sempre vêm bem definido quem é o vilão, quem  é o mocinho, a donzela em perigo. Dessa vez, nada disso. O vilão é uma incógnita até certa parte do filme, você não sabe muito bem o que está acontecendo, e quando você vai descobrindo, você não acredita. Eu ainda não acredito, estou numa ressaca emocional desse filme – e da série – tão grande que a ficha ainda não caiu. hail hydra

Ainda falando sobre pontos positivos do filme, o Soldado Invernal e sua introdução estão maravilhosos. Vemos ele numa primeira cena e, se a pessoa ainda não viu o trailer, fica meio sem saber o que é. Eles não precisaram pegar uma cena inteira para ficar falando sobre o que aconteceu com ele: os roteiristas deduziram que todos tinham visto o primeiro Capitão América e já meteram ele lá com poucas explicações. E não foi necessário. Ninguém precisaria de uma cena inteira só para explicar que o braço dele é totalmente de metal, eles apenas focaram no braço dele em uma das cenas de luta e mostraram toda a mecanização. Ninguém precisou falar que ele tinha sofrido lavagem cerebral, eles simplesmente mostraram. Roteiristas de Thor, tomem nota.

A Viúva Negra (Scarlett Johansson) é um show a parte. Como tudo nesse filme, a dualidade dela te deixa meio confuso no começo, mas tudo vai se encaixando e você vai vendo que, oh meu Deus, quantos sentimentos eu tenho por ela. Ela é cola que mantém tudo junto e a roda que faz tudo aquilo girar. Ela foi treinada assim, ela é assim, fim. Até tem uma cena que Diretor Nick Fury (Samuel L. Jackson) explica que, com ela, não tem “não vou fazer porque não acredito nisso”, uma ordem é uma ordem e vou cumprir.

Pontos negativos… Nem todo filme é perfeito e, apesar de Capitão América te envolver do começo ao fim , senti falta de certas coisas.

A primeira coisa que senti falta foi desenvolvimento dos personagens. A maioria deles termina como começou: Steve Rogers ainda é o certinho demais para quem vive nesse meio de guerra e espionagem, não tem nenhuma mudança, Diretor Fury continua sendo aquele mesmo cara que conhecemos em Homem de Ferro. Não queria uma mudança completa de uma hora pra outra, mas pelo menos uma mudancinha. O mundo deles ruiu e as personagens continuam as mesmas?

Outras personagens não tiveram problemas de desenvolvimento, mas sim de “fui colocada ali só pra dar uma fechadinha nos buracos”. Tem uma “enfermeira” que mora do lado do Capitão América que só serviu pra falar “Seu som está ligado”, se passar por um semi-interesse amoroso, fez umas carinhas feias e só. Tão só que eu nem lembro do nome dela. O chefe da SHIELD, tinha uma importância extrema, mas nem lembro do nome dele e sinto que a história dele ficou uma incógnita. Vários personagens secundários que foram criados e deveriam ter uma importância enorme, mas que no corte final da edição, provavelmente, foram deixados de lado. Uma pena.

Acho que os pontos negativos só residem nesses probleminhas de personagens que, dependendo da pessoa, pode ser um problemão. Capitão América conseguiu elevar o nível de sequências da Marvel. Colocaria no topo tranquilamente. A única coisa que espero é que todas as outras sequências sigam esse padrão maravilhoso de qualidade, já que esse conseguiu superar Thor: O Mundo Sombrio, que para mim tinha sido a melhor sequência até agora. Agora, vamos ver se o probleminha que criaram com a SHIELD vai se resolver na série ou vamos ter que esperar até The Avengers: Age of Ultron, que ainda não faço ideia como vai se chamar no Brasil.

Aliás: fiquem até o final dos créditos no cinema. Tem duas cenas pós-créditos: Uma que introduz The Avengers e outra que introduz o próximo Capitão América, acredito.

Veredicto final: Um dos melhores filmes da Marvel, conseguiram se superar e… Ai, ai, Sebastian Stan, haha.

YOU LITTLE PIECE OF SHIT!
  • PS: Aliás, hoje vou assistir Divergente, então provável que amanhã ou nesse fim de semana, venha com a minha resenha sobre o filme também. Estou ansiosa.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s